Recentes

Duelo de Versões: Aceito o Desafio #12

Depois de algumas semanas sem lhes apresentar um duelo, estamos de volta com a décima segunda edição da coluna duelo de versões. Escolhemos a música "Aceito o Desafio", uma composição da dupla Gislaine e Mylena gravada pelas cantoras Elaine Costa e Eliane Silva no mesmo ano. 


Elaine Costa, foi a primeira a gravar "Aceito o Desafio", no CD de mesmo nome lançado em 2015.

A versão de Elaine, começa com toques na bateria e violões acompanhados por samples. Logo após a cantora entrar fazendo solo, com os instrumentos mais calmos com apenas notas do violão e leves batidas, mas depois a faixa ganha peso com guitarras e back vocal. Nesta versão a ponte final entrou no meio da canção, e em seguida retoma ao refrão, e encerra com o clássico "Porque Ele Vive", encerrrando a canção muito bem.

Em alguns momentos, senti a interpretação de Elaine, um pouco presa e cantando os versos um pouco lento.

Ouça a versão de Elaine Costa, aqui:



Eliane Silva, lançou "Aceito o Desafio", no mesmo ano em 2015 no CD "Aroma da Adoração", com produção feita pelo maestro Melk Carvalhedo.

Ao acordes de guitarras, violões e bateria a versão de Eliane vai ganhando forma. Seguindo o estilo pop pentecostal com uma pegada bem pra cima, podemos ouvir algumas paradinhas e modulações em alguns instrumentos como o violão em algumas partes da canção. Diferente da outra versão, Eliane acrescentou uma ponte cantando um pequeno rap, dando um diferencial a canção. Um dos erros nesta versão é o barulho excessivo de alguns infrumentos, deixando outros meio despercebidos em toda a canção. 

Ouça a versão de Eliane Silva, aqui:


As duas versões são boas, mesmo ambas não tendo tanto destaques em seus lançamentos. Na versão de Elaine Costa temos uma produção mais pentecostal, a interpretação da cantora é bem simples sem muitos detalhes em técnica vocal e também é mais lenta. Na versão de Eliane Silva a canção segue o estilo pop pentecostal, com uma produção mais animada e dinâmica. A voz da cantora  foi bem colocada na canção e a presença do back vocal é mais presente. A introdução da ponte em Rap deixou a música bem interessante.

Qual a melhor versão para vocês? Deixe seu comentário abaixo. 

Rafael Nunes | Desktop Gospel 

2 comentários:

Tecnologia do Blogger.