Recentes

Duelo de Versões: Minha Casa #11


Estamos de volta com mais um duelo da semana. Desta vez escolhemos a música "Minha Casa", uma composição da dupla Junior e Mateus, gravada pelos próprios cantores e também pela cantora Rose Nascimento. 


Junior e Mateus, gravaram "Minha Casa", no álbum "Vou Adorar" lançado em 2015.

A versão da dupla inicia com som de um amplificador e logo depois, bateria, violão e guitarras são inseridos. A canção segue o estilo sertanejo misturado ao pentecostal. A divisão de vozes entre os dois é bem audível dando destaques ao timbre de voz de cada um.  Logo na metade da canção podemos ouvir uma bela introdução de violões e contra-baixos acompanhados pelas batidas da bateria. A presença do back vocal é bem presente em algumas partes da canção. Aos poucos a canção em seu decorrer vai ganhando força e se destacando, junto a voz da dupla em meio aos arranjos.

Ouça a versão de Junior e Mateus:


Rose Nascimento regravou "Minha Casa", em 2016 no disco "Questão de Honra" produzido por Tuca Nascimento. 

Na versão de Rose, sons de ventos e chuva são inceridos nos primeiros segundos da canção fazendo alusão a sua letra, e logo instrumentos como violinos e violões, e leves batidas da bateria são acrescentados. Conforme a canção vai tocando os instrumentos vão ganhando mais peso em seus toques. A presença dos violinos deram um toque mais sofisticado na versão de Rose. Os arranjos deram um brilho a mais na canção, junto a bela interpretação da cantora, que a cada verso vai ganhando força e beleza dando mais impacto em sua produção. 

Ouça a versão de Rose Nascimento, aqui:


As duas versões de "Minha Casa", são bem diferentes em suas produções. Na versão de Junior e Mateus, temos arranjos no estilo sertanejo pentecostal, mesclando arranjos pop pentecostal. Junior e Mateus trouxeram arranjos mais simples, mas com bons arranjos e boa interpretação. Na versão de Rose Nascimento, arranjos mais elaborados podemos ouvir na canção, instrumentos como violinos deram um toque mais requintados a produção, e também os sons de ventos e chuva deram mais ênfase a letra da canção, tornando-se uma versão mais forte.

Qual a melhor versão? Deixe seu comentário! 

Rafael Nunes | DESKTOP GOSPEL 

Um comentário:

Tecnologia do Blogger.