Recentes

Damares e sua transição para o meio digital

Não é de hoje que alertamos a respeito da era digital que chegou e veio para ficar. Plataformas de streaming já são hoje os maiores meios de consumo de música e com isso os artistas precisam se adaptar para continuar no mercado.


Desde 2008, Damares é uma das maiores vendedoras de discos do país e construiu um carreira consolidada e firme dentro da gravadora Sony Music, quando foi contratada em 2010 e lançou o bem sucedido "Diamante". A cantora não saiu e nem rompeu contrato com a gravadora, isso é uma garantia que Maurício Soares nos explicou exclusivamente. No momento eles estão trabalhando nessa transição de Damares e irão lançar nos próximos meses do ano corrente uma serie de novos vídeos. NÃO ACREDITEM EM TUDO QUE LEEM NA INTERNET, SEM QUE HAJA FONTES SEGURAS.

Fazer sucesso com música pentecostal em um tempo onde o estilo estava em baixa foi algo muito difícil e  surpreendente em meados de 2009. O desafio que Damares tem que enfrentar, junto com sua gravadora desta vez, é a transição para o digital, com um estilo que não é tão forte nesta modalidade de consumo. A cantora lançou o álbum "Obra Prima" no foco da crise de vendas de físicos e ficou um período sem divulgar o lançamento, e isso não é fácil.

Acreditamos que, migrar do estilo pentecostal para o pop adoração, não seja a solução para uma transição efetiva no digital. A cantora possui um público enorme, e esse público gosta do estilo que a consagrou e acompanhará até o digital, isso é algo que requer tempo. 

Recentemente a cantora lançou clipe "Sou o que Sou" que já soma mais de 2 milhões de visualizações em seu canal no youtube. Os discos da cantora podem sem encontrados em todas as plataformas digitais e a mesma possui, segundo dados do Spotify, 162.653 ouvintes mensais na plataforma. 

Tudo indica que os vídeos serão de canções que fizeram sucesso na voz da adoradora, como a faixa "Deixa Senhor" que integra  o disco "Apocalipse" e já foi regravada por Damares. O anuncio foi feito em uma de suas agendas, onde ela cantou a canção com  uma nova roupagem. 

Essa transição é algo que afeta todos os cantores e principalmente aqueles que já possuem nomes fortes no mercado, como Cassiane, Elaine de Jesus, Rose Nascimento, Lauriete e Shirley Carvalhaes. Para se ter ideia, o lançamento digital de alguns álbuns da cantora Lauriete só aconteceu ano passado, e nem todos os discos estão disponíveis. Isso revela que essa transição demanda tempo e adaptação.

Assista o clipe "Sou o que Sou": 
  

Siga e ouça a cantora no Spotify

Alisson Lima | DESKTOP GOSPEL

6 comentários:

  1. Volta pra o estilo "pentecostal", volta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo que parece, a gravadora não sabe lidar com o "pentecostal".

      Excluir
  2. Na verdade o estilo da Damares não está tão pentecostal quando a consagrou não. Depois do CD Apocalipse, a cantora mudou muito seu estilo e isso só a prejudicou. Estou particularmente divido o seu ministério em ante de depois deste CD. Uma pena!
    OBS: https://www.youtube.com/watch?v=0E5ViZK5b4c&t=13s

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A meu ver, Ela começou a mudar no Maior Troféu. Diamante é um baita CDzao.

      Excluir
  3. Tem que continuar com esse estilo "pentecostal". Não pode parar.

    ResponderExcluir
  4. se ela nao grava pentecostal igual cd apocalipse vai so cair ......

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.