Recentes

A CULPA É NOSSA

Imagem relacionadaEstamos vivendo dias em que o modernismo tem entrado dentro das igrejas e fazendo de reféns novos convertidos e pessoas que mal se preocupam com a sua salvação.

Quem nasceu no começo dos anos 2000 para trás recorda o quão bom era estar na presença de Deus e sentir a sua glória, apesar da minha pouca idade, sinto como tivesse desfrutado de todo esse processo de avivamento interior (coração) dentro das igrejas evangélicas de todo o mundo, mas como a tecnologia avança as pessoas avançam junto, modernizando as coisas ainda mais.

Você deve se lembrar dos dias de glória em que viveram os mestres da Escola Bíblica Dominical, ao ministrar a lição e pessoas começarem a chorar e até mesmo serem curadas e batizadas com o Espirito Santo. Você deve se lembrar das tardes de louvor que tinham na casa da irmã Maria.  Todo sábado era na casa de uma irmã diferente e Deus ali se fazia presente.
Você deve se lembrar da canção "Igreja Pequena" que o grande coral chamado igreja cantava até o ponto de se derramarem em lágrimas na presença do Senhor Jesus.  Lembra do avivamento que Deus derramava ao entoar os louvores da harpa cristã?

Chegamos a um ponto em que pregamos santidade, pregamos amor ao próximo, pregamos que Jesus está voltando, mas ao mesmo tempo que pregamos não acreditamos no que estamos transmitindo para as pessoas, é algo automático não tem como dizer que não é verdade.

Deixamos os louvores de adoração a Deus de lado para cantar letras de sofrimento.  Deixamos Jesus de lado para dar valor ao que o mundo oferece, do que viver uma vida digna diante da presença do Senhor Jesus.  Deixamos o nosso ego crescer e Cristo desaparecer. Estamos esquecendo de ser imitadores de Cristo e estamos imitando o mundo.  São cantores modernos, que abrem a boca pra proferir um tal de “Nada a ver”. Fazem o que bem entendem e dizem que Deus apenas necessita do nosso coração, e a culpa disso tudo estar à tona é nossa.  Deixamos de dar valor aos cantores que devotam a sua adoração a Deus e vivem uma vida de santidade diante de Deus, para dar valor a cantores e pregadores que vivem uma vida de meio termo. Que estão  em cima do muro.

Que possamos refletir. O que eu estou fazendo da minha vida? Onde está o primeiro amor quando me rendi aos pés do meu Senhor?

Vamos ter orgulho de dizer pra todo mundo que servimos à alguém, que nos deu uma nova esperança, e nos livrou da morte que foi Jesus.

Gálatas 6:14
Mas eu me orgulharei somente da cruz do nosso SENHOR JESUS CRISTO, pois por meio da cruz, o mundo está morto para mim, e eu estou morto para o mundo.

Werisleyk Souza | DESKTOP GOSPEL

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.