Recentes

FÃ- CLUBE E A IDOLATRIA GOSPEL

Hoje iremos tratar de uma assunto bem polêmico e que diverge entre opiniões. Mas, o fato é que estamos perdendo o foco dentro da música gospel. Vamos falar de Idolatria.

No sentido etimológico, a palavra Idolatria vem de “Ídolo”, que se origina do Grego EIDOLON, “aspecto, imagem mental, fantasma, aparição”, também “imagem material, estátua”, de EIDOS, “forma”, mais LATREIA, “serviço, adoração”. Já no sentido figurativo, significa amor excessivo, admiração exagerada, Nesses últimos dias temos visto um número bem expressivo de amizades de longas datas se acabando, esfriando ou sendo afastada. Será que nunca foram verdadeiras? Talvez eram. 

O mundo digital onde a maior parte das pessoas tem acesso à internet, acham que são divididos em "tribos". E no meio Gospel, essas "tribos" têm nome, cuja a formula é: (nome do cantor preferido + “éte”). O que mais vemos atualmente são fãs perdendo o bom senso (será que algum dia tiveram?) e travando verdadeiras guerras frias com os outros. É uma guerra. É um Pré - Armagedom. Parece uma Guerra Mundial Gospel.


Seja nas timelines ou em grupos, o Facebook tem sido um dos maiores campos de batalha. Com alto índice de discórdia, as guerras são travadas com um objetivo que não sabemos. É algo raro, dar uma checada na rede social onde pelo menos uma vez no dia não ver uma treta gospel. Uma discussão em defesa do seu cantor preferido, ou melhor, seu ídolo. Mexeu com um, mexeu com a tribo toda. Mas será que vale a pena comprar brigas por pessoas que também erram como nós? São falhas, imperfeitas, humanas e pecadoras. 

Às vezes os cristãos julgam tanto o catolicismo pelo seu apreço por imagens... Mas será que dentro da membresia evangélica atual não existe também idolatria?


Desde quando é necessário ofender um (a) cantor (a) em detrimento de outro (a)? Rebaixar e por em um patamar abaixo da sua média de "bom"?

Não estamos aqui para ditar o que você deve ou não postar em suas redes sociais. Estamos aqui para abrir seus olhos que idolatria é extremamente chato e desgastante, e acima de tudo, pecado. O mundo gospel já não anda bem. E com essa idolatria exagerada que ninguém pode dar uma opinião sequer sobre o trabalho de alguém, que brotam um porção de pessoas da terra dizendo que é ofensa e já convoca o restante do bando para a defesa-ataque.

Idolatria não é apenas o fato de adorar imagens. Idolatria é simplesmente o fato de você colocar algo ou alguém diante de você mais do que Deus.

“Acaso não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis; nem fornicários, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados...” (1 Coríntios 6:9)

Ana Paula Gomes | DESKTOP GOSPEL

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.