Recentes

Travestir que fez declarações polêmicas sobre o movimento LGBT sofre ameaças


Por ser um fato incomum na internet, uma das versões do vídeo foi compartilhada mais de 18 mil vezes em pouco mais de 24 horas. Já a versão postada por Marco Feliciano, que é um dos principais alvos do ativismo gay, foi compartilhada por mais de 135 mil usuário do Facebook, num período de tempo ainda mais curto.

Contudo, o vídeo não ficou só nas redes sociais e agora toma proporções preocupantes. Em um novo depoimento de Talita Oliveira, gravado na tarde desta sexta-feira(09), ela comenta que está sofrendo ameaças do movimento LGBT.

Talita afirma que recebeu um aviso que não deve sair de casa, pois estão armando para ela.

Para esclarecer e reforçar o que havia dito anteriormente, Talita argumentou: "Vocês não estão entendendo o que eu quero dizer. A gente tem sim o direito de ter nosso companheiro, de ter nossa união civil, como já tem no Brasil a união civil que nos dá todos os direitos. A gente tem sim que lutar pela nossa proteção juntamente com a proteção de todos os demais.".

Aproveitando o vídeo, Talita ainda alertou sobre um assunto que é pertinente e pode sim ser uma grande realidade: "Eles[comunistas] estão separando nós, homossexuais, da sociedade pra depois acabar e perseguir a gente. Vai ser mais fácil, porque a gente vai ser sozinho".

"Prestem atenção que a gente vai ser perseguido no Brasil. Se vocês estão achando que hoje a homofobia está aí, vocês vão se arrepender. Olhem a data do vídeo, a hora, e vocês vão lembrar das minhas palavras: Vamos ser perseguidos (...) os cristãos também. Os evangélicos têm direito de seguir a religião deles, a doutrina deles. Ninguém tem que empurrar goela a baixo, à evangélico nenhum, sobre nossa sexualidade" ressaltou.

A julgar pelas palavras, é quase inacreditável o fato das declarações serem de um brasileiro que sofre preconceitos da sociedade como um todo, por ser homossexual, e agora, em seu próprio meio, por ser contra a imposição do movimento LGBT.

Assista ao depoimento na íntegra e compartilhe, para que os brasileiros tomem conhecimento do fato. E aproveitando, devemos, quanto evangélicos, orar por essa pessoa que defende o cristianismo, à liberdade de expressão e religião.

Confira clicando AQUI!
Tecnologia do Blogger.