Recentes

O novo rumo da dramaturgia da Rede Record

A Record já decidiu os novos rumos de sua dramaturgia. Tentando recuperar a audiência na faixa nobre, a emissora inicia em julho as gravações de duas produções: a novela que substituirá “Máscaras” antecipadamente (ainda sem título) e a minissérie bíblica “José – De Escravo a Governador”.

Com 26 episódios, a obra terá gravações no Egito e estreará em janeiro. A ordem na Record é não economizar na produção. O orçamento deve ser muito similar ao de “Rei Davi”, em média R$ 850 mil por capítulo.

Dirigida por Alexandre Avancini, a minissérie já tem o seu elenco principal fechado, com nomes como Ângelo Paes Leme (no papel de protagonista), Andrea Avancini, Babi Xavier, Caio Junqueira, Camila Rodrigues, Carla Regina, Denise Del Vecchio, Leonardo Vieira, Maitê Piragibe, Paulo Nigro, Taumaturgo Ferreira, Marcela Barroso e Rick Tavares.

Larissa Maciel, ex-Globo, acabou ficando fora do elenco de “José”. Ela está reservada para a próxima novela de Gisele Joras na Record, que entrará no lugar de “Máscaras”, em setembro.

Novos atores e ex-globais serão contratados para o folhetim, que terá texto original. Nada de versões da Televisa. Já “Rebelde” terá o seu destino decidido na emissora no final do ano.

A informação é da coluna Outro Canal, assinada por Keila Jimenez e publicada na Folha desta segunda-feira (18).

Fonte: Verdade Gospel

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.